Now Playing Tracks

mariliamoscou:

by Teorias da Revolução (fb)

Curioso como a relação Mario-Yoshi ilustra bem a teoria marxista da mais-valia. Abaixo uma explicação que usei com alunos do ensino médio (sim, era época de páscoa). Quem quiser lê-la inteira, clique aqui.

"Vamos pensar na linha de produção do ovo de páscoa. Depois de produzidos, embaladinhos, bonitos, eles são levados a supermercados que os adquiriram, para que sejam comprados por nós, consumidores finais. Passeando pelos corredores dos supermercados, podemos observar uma diversidade enorme de ovos de páscoa e, sobretudo de preços. Mas… de onde vem o preço?

"Grosso modo, o preço inclui o custo de produção daquele produto (no caso, ovos de páscoa), e o lucro que é destinado às empresas fabricantes e aos supermercados que os vendem. Pra facilitar o exemplo, vamos supor que nós, muito espertos, compramos ovos de páscoa direto da fábrica. Quando pagamos à fábrica um valor pelo ovo de páscoa, estamos pagando uma parte do salário dos funcionários, uma parte dos gastos com o local de trabalho, uma parte dos gastos de manutenção das máquinas, uma parte do gasto do fabricante com a matéria prima. Além disso, claro, estamos pagando um valor a mais, que é embolsado  pelo dono da fábrica. Esse valor a mais se chama lucro.

Agora, suponhamos que o dono da fábrica pague seus funcionários proporcionalmente ao que eles produzem. Quer dizer, se em 1h de trabalho, Dona Filó produz 10 ovos de páscoa, vendidos a R$10 cada um, sendo R$5 de lucro pra cada um deles, ela receberia R$50 em uma hora de trabalho. Só que, no capitalismo, não achamos justo que os trabalhadores recebam por aquilo que produzem. Como eles não são donos de nada, concordamos que eles não devem ganhar tanto assim e que o dono, sim, que possui os meios de produção, deve ganhar. Essa ideia se apoia numa relação de dominação, já que o trabalhador precisa vender sua força de trabalho pra sobreviver, enquanto o dono pode contratar outras pessoas pra trabalharem no lugar dele.

Sendo assim, em vez de pagar Dona Filó pelo lucro dos 10 ovos de páscoa que ela produz em uma hora de trabalho, o dono da fábrica a paga apenas por, por exemplo, 4 ovos (ou seja, R$20 por hora). A diferença entre o que Dona Filó produz de riqueza para o dono da fábrica (R$50) e o que fica com ela (R$20), chamamos mais-valia. A mais valia é a riqueza produzida pelo trabalhador que não lhe é repassada, gerando lucro para o patrão.

We make Tumblr themes